Sobre Garota Exemplar

    Oi gente :), hoje resolvi falar de um livro da Editora Intrínseca chamado Garota Exemplar (Gone Girl), da autora Gillian Flynn. Eu adiei a leitura desse livro porque não sou muito chegada a romances policiais mas quando comecei já amei logo na primeira página porque a escrita é maravilhosa, descritiva e cheia de pensamentos, daqueles que dá vontade de anotar 21321432423 de quotes. *-*


    Então, o livro fala sobre um casal, Amy e Nick que são pessoas muito diferentes uma da outra. Nick é bem tradicional, calmo, pensativo, prático e também bem misterioso; enquanto Amy é louca, super entusiasmada, impulsiva, dramática, detalhista e cheia de ideias e invenções. Certo dia, em que eles estão fazendo 5 anos de casados, Amy desaparece. Tudo na casa sugere que ela foi sequestrada. Mas no decorrer do livro nós vamos tentando juntar as peças e acabamos super embaralhados com 2 suspeitas:
1. Ela foi sequestrada mesmo;
2.Nick fez algo com ela.
SOCOOOOOOORRROOOO GENTE!!!! Fiquei muito apreensiva.

    No passar das páginas podemos perceber que no começo do relacionamento Amy estava muito entusiasmada e o casamento com Nick foi a maior alegria da sua vida e com os anos ela foi percebendo que ele se torna uma pessoa diferente do que era no início. O livro é contado pelos dois personagens, Nick narrando o presente, com Amy sumida, e Amy narrando o passado, por meio de páginas de seu diário. Em todos os dias de aniversário de casamento deles dois, Amy prepara uma espécie de caça ao tesouro, deixando pistas espalhadas pela cidade para Nick encontrar. Antes de desaparecer ela já tinha preparado a caça ao tesouro dos 5 anos de casados e Nick vai em busca dessas pistas e percebe que Amy estava por meio delas tentando reatar o romance deles, que já estava muito desgastado e quase acabado. O que me deixou frustrada porque Nick se sente arrependido mas não conseguimos ter certeza de que foi porque ele não a estava amando como ela merecia ou se foi porque ele realmente fez alguma coisa com ela!

    Apenas na metade do livro nós descobrimos quem é a mente psicopata (sim, psicopata) e se você pensa que melhora: NÃO, piora. A partir disso você não consegue parar de ler um minuto, ansioso pra saber como a trama vai terminar. Inclusive, descobrimos novas facetas dos personagens e o jeito que os fios vão se juntando... MEU DEUSSSS. Quando você pensa que tudo vai dar certo, acaba acontecendo uma coisa impressionante. Fazia tempo que eu não lia uma história tão bem bolada, bati palmas de pé pra autora. E sobre o final do livro: Eu, com a minha estranha mente com equívocos psicopatas, imaginei que o final seria do jeito que terminou. Adorei e ri demais. Não sei se vocês são doentes o suficiente  pra imaginar, mas com certeza gostarão.

    O livro vai ganhar adaptação que tem estreia marcada pra 2 de outubro de 2014 no Brasil. Vejam aqui o trailer:



Enfim, espero que vocês gostem e enlouqueçam tanto quanto eu :). Fiquem com a frase que, pra mim, é a cara do livro.
“Nós nos completamos da forma mais repulsiva e feia possível.“ 







4 comentários:

  1. aff, te odeio, agora to com mais vontade de ler rs.
    vender meu rim pra comprar todos os livros da minha wishlist!
    beijos
    -M
    www.perdidanautopia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. shusahusahsauhsauashuashas vai valer a pena viu o rim! <3

      Excluir
  2. Achei muito boa a resenha, nossa, só me convenceu ainda mais a ler!
    Preciso desse livro agora *-* ele vai ter continuação?
    Beijo!

    http://lucyintheskywithbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata :), que bom que você gostou, obrigada! Leia o quanto antes, super recomendo! Não vai ter continuação não HAHAHAHA, o final é pra deixar a gente doida mesmo!

      Excluir

Tecnologia do Blogger.