CriticAlba #3: Um dos melhores filmes da minha vida (Captain Fantastic - PT Capitão Fantástico)

Oi, gente!

No CriticAlba de hoje vim falar sobre o filme Captain Fantastic,e se tornou um dos meus filmes preferidos em todos os sentidos! Eu estou fazendo todas as pessoas do mundo assistirem esse filme, pra vocês terem uma ideia de como eu quero propagar essa coisa maravilhosa!



A estória fala da família de Ben (vivido por Viggo Mortensen, nosso querido Aragorn), que junto com sua esposa Leslie (Trin Miller), decidiram constituir sua família a moldes não tradicionais.Eles são naturalistas e não queriam mais viver da forma como os americanos vivem em uma sociedade obcecada por bens materiais e valores atrelados a propagandas mentirosas que englobam produtos, serviços e principalmente o governo.

Os seis filhos Bo (George MacKay), Kielyr (Samantha Isler), Vespyr (Annalise Basso), Rellian (Nicholas Hamilton), Zaja (Shree Crooks) e Nai (Charlie Shotwell) crescem seguindo os mesmos pensamentos dos pais e são crianças super inteligentes, educadas com livros e pensamento crítico transmitido pelos pais.



Com o tempo, Leslie começa a ficar com depressão e ter crises e quando a sua situação fica mais grave ela precisa ser internada na cidade e acaba se suicidando. Os pais dela e todo o resto da família não aceitam a forma em que eles viviam e como criaram as crianças. O pai de Leslie coloca a culpa da morte dela em Ben. Leslie era budista e queria ser cremada, porém seus pais irão enterrá-la como cristã. Seu marido e filhos não aceitam isso e viajam para a cidade para salvar o desejo final dela. A partir desse contato com o "mundo real" o drama da história começa.

É uma história linda sobre família acima de bens materiais, sociedade e estado. O filme nos mostra de uma maneira muito singela o quão importante são as pequenas coisas da vida, a importância de sentar em volta da fogueira com a família e cantar sem se preocupar com os problemas que infelizmente temos na "vida real".



O filme tem um roteiro muito bem escrito, bem conectado com a trilha sonora e com uma fotografia maravilhosa, nos passando nos momentos certos uma sensação de paz e de querer viver aquilo. Conseguimos nos sentir exatamente como os personagens. Outra coisa que o filme passa é a questão que as pessoas sempre querem se meter na forma como os outros vivem e tomam suas decisões.

No IMDB a nota está em 8,0 mas eu com certeza daria até mais e eu sou capaz até de ir ver no cinema, mesmo já tendo assistido em casa, é um filme que vale muito a pena ser assistido.


Poster oficial do filme

Falando um pouco da parte técnica o roteiro e a direção foram MUITO bem feitos pelo Matt Ross (esse é o seu segundo longa metragem e ele já está ganhando vários olheiros por conta desse trabalho maravilhoso). O elenco foi muito bem escolhido, todos sabem que o Viggo realmente se transforma no personagem que ele faz e ele realmente se entregou em fazer o Ben, outro que teve uma atuação muito boa foi o George Mackay que provavelmente agora vá começar a fazer mais papéis por aí. As crianças são muito caricatas e combinaram demais com o ambiente do filme e com os pais.





Assista ao thrailer:





Para mim esse foi o filme de 2016 e já está fazendo bastante sucesso! Indico para todas as pessoas que estão a fim de assistir algo inesquecível. Espero que tenham gostado e até mais!





Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.